Inicial / Tech / É lei: Google Maps e Waze terão que alertar sobre áreas de risco no RJ

É lei: Google Maps e Waze terão que alertar sobre áreas de risco no RJ

Se você estiver na cidade do Rio de Janeiro e utilizar apps como o Google Maps e o Waze para se guiar, passará a receber alertas caso esteja circulando em uma área considerada “de risco”.

Uma lei sancionada na última terça-feira (8) pelo prefeito da cidade, Marcelo Crivella (PRB), passa a obrigar aplicativos de mapas e navegação a alertarem seus usuários sobre as regiões consideradas como as mais perigosas da cidade. 

De acordo com o texto da lei, de autoria da vereadora Rosa Fernandes (MDB), os critérios para determinar quais áreas são de risco ou não virão de informações obtidas junto à Secretaria de Segurança Pública e também a órgãos e entidades públicas e privadas especializadas em segurança pública. 

Ao menos em tese, serão consideradas regiões de risco locais com conflitos, com incursões policiais permanentes e áreas com um grande número de assaltos, roubos e furtos. 

Diversos casos de violência envolvendo pessoas que entraram por engano em regiões perigosas ocorreram nos últimos e motivaram a criação dessa lei. O mais recente ocorreu no mesmo dia da sanção, quando dois policiais militares foram baleados após entrarem na comunidade Jardim Novo, na Zona Oeste da cidade, enquanto navegavam usando um aplicativo do tipo. 

O UOL Tecnologia entrou em contato tanto com o Google quanto com o Waze, mas ambas as empresas disseram que não iriam comentar sobre o tema.

[=]

Veja também!

Os melhores apps da semana para Android

Apps para lembrar de seus remédios e fazer contas escrevendo. Confira nossas sugestões desta semana …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: